Prefeito cancela Carnaval e não garante realização do São João

O prefeito da cidade de Sousa, André Gadelha (PMDB), anunciou, nesta quarta-feira (21), o cancelamento do Carnaval e o repasse de recursos para o desfile das escolas de samba que seria realizado no centro da cidade. Segundo ele, a prefeitura não tem dinheiro para investir na festa, devido as reduções do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e do decreto do Governo do Estado, que cancelou, por 60 dias, patrocínio para festividades e eventos.

“Cancelamos o Carnaval pelo clima que vivemos. Não existe clima para o Carnaval, estamos passando por uma fase critica. Nossa sorte é que deu estas duas ultimas chuvas e ganhamos um fôlego de 40 dias no açude de São Gonçalo. As discussões agora é de como vamos sobreviver caso as chuvas não venham”, afirmou. 

André Gadelha afirmou que o município no momento não pode investir cerca de R$ 200 mil na festa carnavalesca, pois existem outras prioridades para a população, a exemplo da construção de um Centro Cultural e de Artesanato no bairro Alto do Cruzeiro, no valor de R4 112 mil.

O prefeito ressaltou que o país vive um momento de crise, com o Governo Federal reduzindo o repasse de recursos para os municípios, e é necessário que a população compreenda.

“Dentro do planejamento não podemos extrapolar o que a gente arrecada. Então, o Carnaval infelizmente não vai ter a participação da prefeitura este ano”, afirmou.

São João

Com relação aos festejos juninos, o prefeito não garantiu a realização da festa. Segundo ele, tudo dependerá das chuvas. “Se tivermos um bom inverno, se voltarmos a ter a segurança hídrica para o consumo humano, nós poderemos planejar um grande São João, como já fizemos dois anos consecutivos. Vamos aguardar questão das chuvas e também que comércio volte a respirar, produzir, faturar em nossa cidade”, declarou. 

Fonte Araruna1
Compartilhe no Google Plus

Sobre rivaildo

Texto.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: