Sangue AB pode afetar memória



Estudo concluiu que esse tipo de sangue aumenta chances de demência na velhice

Uma pesquisa divulgada no jornal médico da Academia Americana de Neurologia, Neurology, afirmou que pessoas que possuem sangue tipo AB têm mais chances de sofrer de memória na velhice do que pessoas com outros tipos sanguíneos.  O estudo foi divulgado na última quarta-feira (10).
Além disso, foi constatado que quem possui sangue tipo AB é 82% mais propenso a desenvolver distorções de pensamento, o que pode levar inclusive à demência.
Para a pesquisa ser feita foram acompanhados mais de 30 mil pacientes por 3, 4 anos. Dessas pessoas, 495 que não tinham problemas com memória no início do estudo passaram a desenvolver alguma doença mental até o fim do estudo. A maioria possuía sangue tipo AB.
Também foram analisados os níveis sanguíneos do fator VIII, proteína que auxilia na coagulação do sangue. Os altos níveis dessa substância estão relacionados ao maior risco de demência. Ao final do estudo, 24% dos pacientes que possuíam altos níveis de fator VIII foram mais propensos às confusões mentais. Outra observação foi que os pacientes com sangue AB tinham um nível maior dessa proteína do que pessoas com outros tipos sanguíneos.
O tipo de sangue AB é o mais incomum entre a população.
Fonte Diário do Brejo
Compartilhe no Google Plus

Sobre rivaildo

Texto.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: