Detento é espancado até a morte no Roger, diz delegado

Segundo a direção do presídio, o corpo foi localizado na cela 9 do pavilhão 4 na manhã desta sexta


Presídio do Roger
O delegado de Homicídios, Pedro Ivo, confirmou que o detento Edson Gomes de Oliveira, 32 anos, encontrado morto na manhã desta sexta-feira (13) dentro da Penitenciária Desembargador Flósculo da Nóbrega, Presídio do Roger, em João Pessoa, foi espancado até a morte por outros presidiários. O corpo foi localizado na cela 9 do pavilhão 4.
Pedro Ivo disse que na cela estavam 21 apenados e Edson Gomes foi assassinado por chutes. O crime teria sido motivado por ciúmes. Inicialmente, Linconl Gomes, diretor adjunto da unidade, informou ao Portal Correio presidiários disseram que o apenado começou a passar mal durante a madrugada, mas eles não pediram socorro. Na manhã desta sexta, o preso estava em óbito.
“O preso foi assassinado dentro da cela e indiciamos seis detentos pelo crime. Os apenados disseram que Edson Gomes teria assediado as mulheres deles”, disse o delegado da Polícia Civil.
O corpo foi encaminhado para a Gerência de Medicina Odontologia Legal (Gemol). 

PORTAL CORREIO
Compartilhe no Google Plus

Sobre Administrador

Texto.
    Blogger Comment
    Facebook Comment