Santos x Corinthians - Final que vale muita coisa!

Título do Paulistão definirá futuro dos times na temporada

 

O Campeonato Paulista 2013 finalmente vai chegar ao final. Santos ou Corinthians ficarão com o título. Apesar de ter pressionado, colocado bola na trave e tudo mais o que tem direito, o Timão tem apenas a vantagem do empate para o duelo decisivo deste domingo, às 16 horas, na Vila Belmiro, em Santos. O Peixe tenta fazer história e conquistar pela primeira vez um tetracampeonato paulista.

 Como fez melhor campanha que o rival na primeira fase, o Peixe leva a decisão para os pênaltis caso vença por um gol de diferença. E foi nas penalidades que o Santos garantiu a classificação contra Palmeiras, nas quartas-de-final, e Mogi MIrim, na semifinais. O Corinthians só perde o título no tempo normal caso seja derrotado por dois ou mais gols de diferença.

 
É a despedida de Neymar?
Adeus?
Muito se fala da pouca importância do Paulistão, mas quem perder o título deve entrar em crise, principalmente o Corinthians. Isto porque o time foi eliminado na última quarta-feira da Libertadores, a perda do título Paulista pode dar início a uma reformulação no elenco com a saída de jogadores como Paulinho, Romarinho, Edenílson, entre outros.
No Santos não é diferente. Bastante pressionado pela magreza das vitórias, Muricy Ramalho pode até ser demitido em caso de derrotado, até porque Vanderlei Luxemburgo deve entrar no mercado nos próximos dias. Além disto, Neymar pode fazer sua última partida com a camisa do Santos. Durante toda semana, ele esteve reunido com representantes dos times e pode anunciar sua saída em caso de vitória ou derrota.
Polêmica na véspera!
Depois de denúncias sobre a relação da empresa de esportes do árbitro Rodrigo Braghetto com o Corinthians, o árbitro foi dispensado da partida da final do Campeonato Paulista entre Santos e Corinthians, que acontece neste domingo, às 16 horas, na Vila Belmiro. Um novo sorteio foi realizado às pressas e Guilherme Ceretta de Lima foi o novo escolhido

 
Braghetto foi afastado
Rodrigo Braguetto, através de sua empresa Apto Esportes, presta serviços ao departamento amador do Corinthians e, portanto, é remunerado e possui amizades com dirigentes do clube. Por isso, a Federação Paulista resolveu mudar o homem do apito.

Sem Montillo


O técnico Muricy Ramalho praticamente garantiu na última sexta-feira que deverá repetir no domingo, no jogo de volta da final do Campeonato Paulista, a mesma escalação da equipe que entrou jogando no segundo tempo do confronto de ida da decisão, no Pacaembu.
O treinador disse ainda ter esperança de contar com o retorno do meia Montillo. O jogador ainda se recupera de uma lesão muscular e o comandante deixou transparecer que dificilmente poderá ter o meia argentino. Desta forma, ele deve colocar Felipe Anderson e André devem assumir a titularidade.
"Ele (Montillo) voltou a treinar essa semana um pouco mais forte, mas a gente vai esperar até o final. É um pouco difícil, porque lesão muscular não é fácil não. Temos que esperar, mas acho difícil", disse o comandante, em entrevista coletiva, na qual depois avisou: "É quase o time que jogou o segundo tempo"

Problemas, professor?

Tite não adiantou, mas a escalação corintiana deve ser a mesma que começou jogando na última quarta-feira contra o Boca Juniors no Pacaembu. A grande incógnita é a presença de Pato. O atacante e grande parte da torcida reclamou do pouco aproveitamento do badalado camisa 7 durante toda a temporada. Reserva, ele tem entrado pouco mais de 20 minutos por partida.

 
Pato está insatisfeito com o banco?
"É normal ele querer jogar, o Douglas também quer, o Romarinho, todos querem. As oportunidades surgem com o desempenho dentro de campo", disse Tite, ao comentar sobre as declarações de Pato. "Não quero adiantar, quero passar para os atletas primeiro. Mas não é momento de vaidade, é momento de Corinthians", completou.
Contratado no começo do ano - veio do Milan por cerca de R$ 40 milhões -, Pato tem sido reserva nesta fase decisiva da temporada, em que o Corinthians encarou o mata-mata da Libertadores e luta pelo título do Paulistão. E deve continuar no banco de reservas na final deste domingo, contra o Santos, na Vila Belmiro.
 
Agência Futebol Interior
Compartilhe no Google Plus

Sobre Colunista

Texto.
    Blogger Comment
    Facebook Comment