Em menos de 24h, PM prende acusado de sequestrar filha de vice-presidente do TRE-PB

Além do dinheiro, os acusados também roubaram anéis e aparelhos celulares
 
Em menos de 24 horas, a Polícia Militar conseguiu prender o acusado de envolvimento no sequestro relâmpago de Rafaela Queiroz Benevides, 31 anos, filha do desembargador e vice-presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, Saulo Benevides.
A prisão foi realizada na tarde deste sábado (25) no município de Cabedelo, região metropolitana de João Pessoa, no mesmo local onde aconteceu o crime. O acusado - que não teve o nome revelado - foi encaminhado para a 7ª Delegacia Distrital.
Durante a ação criminosa, a vítima estava acompanhada do marido, Fábio Melo, 38 anos. O casal foi abordado e rendido por cinco jovens, aparentemente menores de idade, que entraram no veículo. Os responsáveis pelo sequestro relâmpago forçaram Rafaela e Fábio a retirar R$ 1 mil, em um caixa eletrônico do Banco do Brasil, localizado em um posto no bairro de Intermares.
Além do dinheiro, os acusados também roubaram anéis e aparelhos celulares das vítimas.
Após tomarem posse do dinheiro e dos objetos, os infratores saíram do veículo e deixaram o casal em seu veículo, na BR-230, próximo ao contorno na Praia do Poço, localidade onde Rafaela e Fábio residem.
“O casal nos informou que os elementos fugiram de ônibus, em direção ao Centro de Cabedelo. Ainda não conseguimos localizá-los”, informou o capitão Jucelino da Cruz Paulino, integrante da 3ª Companhia da Polícia Militar em Cabedelo. Logo após o crime, o desembargador Saulo Benevides foi acionado pelos familiares e acompanhou o caso ao lado da filha.

Portal Correio
Compartilhe no Google Plus

Sobre Colunista

Texto.
    Blogger Comment
    Facebook Comment