Cidades do Brejo voltam a ser abastecidas pela Cagepa, mas ainda em sistema de racionamento


A gerente da Cagepa no Brejo, Eulina Dantas Bezerra, garantiu que as o reservatório Lagoa do Matias é suficiente para abastecer as seis localidades até o mês de julho
Um estudo realizado pela equipe técnica da Companhia de Água e Esgoto da Paraíba (Cagepa) constatou que o manancial de Lagoa do Matias, responsável pelo abastecimento de das cidades de Belém, Caiçara e Logradouro, ambas localizadas no Brejo do estado, atingiu 27% de sua capacidade de armazenamento.
Dada esta circunstância, Belém, Caiçara e Logradouro voltarão a ser abastecidos através das redes de distribuição da Cagepa, mesmo que com o regime de racionamento estabelecido pela Companhia devido ao período de estiagem no interior paraibano. Informações concedidas pela Diretoria de Operação e Manutenção da Cagepa, nesta terça-feira (7), confirmaram também que os distritos de Rua Nova, Cachoeirinha e Braga também serão beneficiadas com a decisão.
A distribuição de água será feita da seguinte maneira: de segunda à quinta, são os municípios de Belém, Caiçara e Logradouro que serão abastecidas, enquanto de sexta à domingo a Cagepa atenderá os distritos. Todavia, a intenção da Cagepa é que a partir de junho todas as localidades sejam abastecidas diariamente. Segundo a gerente da Cagepa no Brejo, Eulina Dantas Bezerra, as faturas não serão emitidas mesmo com a retomada do abastecimento pelo sistema de racionamento.
Eulina garantiu que as o reservatório Lagoa do Matias é suficiente para abastecer as seis localidades até o mês de julho.“Como as previsões são de que teremos mais chuvas nos próximos meses na região, já é possível fazer com segurança o abastecimento com o cuidado de racionar para evitar surpresas desagradáveis”, declarou. 
PortalCorreio
Compartilhe no Google Plus

Sobre Colunista

Texto.
    Blogger Comment
    Facebook Comment